Pedro Luan - Tanto Espaço feat. João Ventura (single, 2020)

Atualizado: Jan 10

Compositor lança mais uma de amor, desta vez com a colaboração do pianista sergipano baseado em Lisboa


por Alisson Mota




Pedro Luan lança nesta sexta-feira, 17, seu segundo single em tempos de isolamento social. Depois de Nós Dois, o compositor lança Tanto Espaço, em colaboração com o pianista sergipano João Ventura, que hoje mora em Lisboa, Portugal.


O single é mais uma de amor, ainda que não necessariamente o amor romântico, mas mais sobre o afeto e o carinho presentes em meio às multidões, ao caos da vida moderna, à correria do dia-a-dia contemporâneo. "A ideia é mostrar que, mesmo no meio de tanta agonia, confusão, tanto espaço, ainda há conexões, encontros de pessoas, de almas... As pessoas podem se encontrar apesar das lacunas e abismo da multidão. Muitas vezes a gente acaba não percebendo o outro", conta Pedro Luan.


Na concepção da canção, o compositor coloca o abraço enquanto símbolo, representação das ligações entre as pessoas, seus encontros e a formação de elos. Ele explica: "O abraço está na canção como essa forma de conexão não só física, mas como de almas das pessoas".


Ainda que possa se pensar o contrário, Pedro garante que a canção não foi feita no atual período de isolamento social. A música foi composta há 4 anos e meio, numa vibe otimista com as relações sociais e estava na tracklist do seu segundo disco, O Que Há de Segredo, lançado em 2019.


Capa do single. Ilustração de Natã Alcântara, design gráfico de Rafael Olívio.

A música, inclusive, foi gravada nas sessões do álbum. "Na hora de fechar o repertório do álbum, percebi que ela destoava um pouco das outras canções, que tinham uma unidade maior, esteticamente falando... E ela seguia uma linha diferente", confessa.


A partir dessa constatação, decidiu lançar depois, pra dar maior destaque e, segundo o próprio, "para ter uma carta na manga". Ele planejou lançar a música exatamente neste período, mas não contava com a pandemia e o isolamento social. Contudo, o compositor avalia que o timing do lançamento veio a calhar.


Outro motivo que fez com que a música fosse lançada depois foi a participação de João Ventura, que também participa do último álbum de Pedro, tocando piano. A novidade em Tanto Espaço é participação do pianista como vocalista. "Eu o procurei quando ele fez um concerto de Natal aqui em Aracaju, ele topou e a gente se deu muito bem. A partir desse primeiro contato criamos uma boa amizade", finaliza.

Pedro Luan - Tanto Espaço


Alheio ao movimento Que o tempo intenso Passa sobre nós Embora os ágeis passos Que sem ver são dados Geralmente sós Por entre às avenidas Quase sempre aflitas Se deseja ter alguém Em meio a tanto espaço Eu encontrei seu abraço Que me fez tão bem É, você me faz tão bem Distante o pensamento, Se perdem momentos Que não vão voltar Embora o descompasso De crer no acaso Vir nos devorar Por entre as fantasias Das almas vazias Se deseja ser alguém Em meio a tanto espaço Eu encontrei seu abraço Que me fez tão bem É, você me faz tão bem



Ficha Técnica

Gravado no Orí Estúdio

Pedro Luan - Voz e Violão João Ventura - Voz e Piano Rafael Jr. - Bateria Paulo Antônio - Baixo Rafael Ramos - Teclados Fabrício Rossini - Produção, Gravação, Mixagem e Masterização Natã Alcântara - Ilustração de Capa