Depois do Desamor, vem o Abandono, o Ódio e o Ressentimento

No seu segundo disco, A Banda dos Corações Partidos traz várias participações especiais e reafirma que a dor de cotovelo não tem gênero musical


por Alisson Mota


Fotos: Manoela Veloso Passos

A Banda dos Corações Partidos sempre foi uma banda que sempre marcou muito pela teatralidade na performance, muito por conta da entrega de Diane Veloso no palco. Essa característica sempre me fez querer ver os shows da banda sempre que possível.


Desde o EP Desamor, dá pra acompanhar a evolução do grupo no estabelecimento de uma estética que não tem pudor em passear por todos os gêneros musicais, sem distinção, na hora de cantar as desilusões e a desconstrução do amor romântico tão presente na música como um todo. A Banda é de fato uma sofrência classuda, uma dor de cotovelo que não tem gênero musical.


Capa: Vanessa Passos

No segundo disco cheio do grupo, Canções de Ódio, Ressentimento e Abandono, parece que a coisa tomou ainda mais forma, com arranjos ainda melhor elaborados, com a voz de Diane cada vez mais bem colocada e com participações especiais que estão ali para além da participação em si, pois compõem a construção de sentido.


Consigo tranquilamente destacar Que Amor é Esse? como o ponto alto do trabalho. Impactante e com a intervenção certeira de Stella, a música pode ser a que melhor representa o disco, pelo refrão forte e pelos riffs que arrepiam. Outro destaque é a música imediatamente anterior, Na Ponta do Pé, que já nas primeiras notas do piano remete à Fim de Festa, de Itamar Assumpção, outra canção de desamor.


Talvez o mais conciso e consciente trabalho d'A Banda dos Corações Partidos, Canções de Ódio, Ressentimento e Abandono pede um showzão na íntegra, com todas as participações especiais que tiver direito, pra todo mundo sentir o disco com a potência da performance.


 

Ficha Técnica

Produzido por Leo Airplane e Alex Sant’Anna

Produção Executiva: Nah Donato e Diane Veloso

Gravado no DDB Estúdio por Leo Airplane entre 01 de junho e 28 de novembro de 2021

Baterias Gravado no Maca Records por Leo Airplane em abril de 2021

Música Intuição gravada no Estúdio DR5 em março de 2022

Mixado e masterizado por Leo Airplane no DDB Estúdio


Conceito e arte: Vanessa Passos

Selo: Badalando Play

Assessoria de Imprensa: Tedesco


A Banda dos Corações Partidos é:

Alexandre Gomes: Guitarra

Diane Veloso: Voz

Josimar Santos: Bateria

Leo Airplane: Teclado, piano, sinth, samples e loops

Luno Torres: Baixo


Participações especiais:

Alex Sant'Anna: Voz em Novas Rotas

Pérola Lavinny: Voz em Barreada

Quésia Sonza: Voz em Quebrei a Cara

Stella: Voz em Que amor é esse

Táia: Voz em Gritou

Betinho Caixa D'Água: Percussão em Intuição